Uma Páscoa Especial e uma lição de vida!

A Páscoa para mim sempre foi uma festa, tenho muitas lembranças boas. Minha mãe escondia os ovinhos por toda a casa e fazia uma cartinha do coelinho com um mapa para que eu conseguisse achar. Nossa era uma curtição, passava a manhã toda naquela brincadeira toda de caça aos ovinhos e muitas vezes semanas depois encontrava um ou outro ainda perdido pela casa e era mais uma festa. Minha mãe sempre cultivou muito essa crença do coelhinho e papai noel e vejo como isso me fez feliz, para eu lembrar até hoje de todos os detalhes e da felicidade que sentia.

Agora como mãe, procuro fazer com que minha filha também tenha essas lembranças boas e tem sido uma delícia ver a carinha dela procurando a cestinha. Nesse ano esperei ela dormir e comecei a preparar o ninhozinho. Meu mardo me ajudou fazendo as pegadinhas do coelho pela casa, hehehe, era ele de quatro pés com um potinho com talco fazendo as pegadinhas, hehehe, não basta ser pai tem que participar, :O))
Quando ela acordou foi uma festa, ela ficou espantada com as pegadinhas e a cabecinha ficou imaginando como o coelhinho entrou, como ele carregou os chocolates, foi uma diversão.

Mas o que mais me marcou nessa Páscoa ainda estava para acontecer. Estávamos nos preparando para ir embora do litoral, então percebi que tinha comprado coisas a mais e sobrou uma caixinha de bombons, pensei em guardar e daqui um tempo mostrava para a Gi, continuei guardando as coisas no carro. Foi aí que vi algumas meninas maiores em uma carroça juntando latinhas e plásticos para reciclar, quando olhei melhor vi uma menina, um pouco maior que a 
minha filha. Meninas lindas, mas um pouco judiadas, pelas condições de vida. No mesmo instante lembrei da caixinha de bombom, corri no carro e peguei, fui até a carroça e entreguei para a menininha e disse "o coelhinho deixou para vc aqui!".


Gente, nunca imaginei a reação que ela teria, começou a dar gargalhadas de tão feliz e se abraçou a caixa de bombom. Nossa uma caixinha que pra mim era tão sem importância, fez aquela felicidade toda naquela menina e me fez sentir o próprio coelhinho da Páscoa.


Passei o dia lembrando daquele rostinho dando risadas e se agarrando a caixinha. E acredito que essa vai ser umas das memórias mais marcantes pra mim, tanto que resolvi registrar aqui!

É bom demais poder proporcionar esses momentos lindos na vida da minha filha e agradeço aos céus por ter condições para isso, mas com certeza quero que ela tb se sinta feliz em poder repartir um pouquinho com outras crianças que tanto precisam.
Façam isso, ensinem para seus filhos, mostrem que muitas vezes fazer uma outra criança feliz pode trazer muita felicidade para todos! É o que pretendo fazer daqui para frente, ensinar a Gi a ser feliz também com pequenos gestos de solidariedade!



Uma Feliz Páscoa para todos nós!

P.S.: Gostou do post, então compartilha :), mas se for copiar cite a fonte, com link e a autora. É mais justo com quem pesquisa e escreve sobre o assunto para tentar ajudar. Obrigada, Alê 

* As informações disponíveis são meramente informativas, os comentários respostas são informações leigas e não substituem a Consulta Médica!
Comentários pelo Facebook
0 Comentários pelo Blogger

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Para enviar sua dúvida, use os comentários pelo Blogger, não pelo Facebook, pois nesse não recebemos aviso e não temos como responder rapidamente.


HomeSobreAnuncieContato



Da Fertilidade à Maternidade - 2015 | Todos os direitos reservados.
Desenvolvimento: Colorindo Design | Tecnologia do Blogger