E quando o problema de fertilidade é dele?!

Vamos falar um pouco sobre ‘o tentante’, pois muitas vezes a dificuldade para engravidar pode ser por um problema no homem. A primeira dificuldade, que acho que acontece na maioria dos casos, é convencer o homem a fazer um espermograma e procurar um médico. É até um pouco cultural, o homem relaciona a fertilidade com a sua virilidade e não gosta nada da ideia de haver algum problema com ele.

Muitos casais perdem vários meses e até anos de tentativas, porque o homem não se submete a uma avaliação ou mesmo resiste a procurar tratamento, quando há alguma alteração. 
O que é preciso esclarecer, ao meu ver, é que fertilidade não tem nada haver com a masculinidade e que, diferente das mulheres, a maioria dos problemas no homem não tem sintomas aparentes. A fertilidade do homem pode ser afetada por diversos fatores, como hábitos de vida, infecções, medicações, má alimentação… Por isso, mesmo que ele já tenha tido filhos, isso não quer dizer que está tudo bem com ele.

Tão importante quanto a mulher fazer os exames pré-gestacionais, quando o casal decide engravidar, também é importante que o homem faça um espermograma. Sim, eu sei, que o exame não é agradável, eles se constragem, ficam nervosos, mas se fizermos uma comparação com os exames que nós mulheres temos que fazer, vários exames de sangue, ultrassom transvaginal, papanicolau, … e a ‘bendita’ histerossalpingografia, nossa meninas, um espermograma não é nada, e afinal quem é o sexo frágil?! :)

Então vamos incentivar e conversar com eles sobre o assunto, pois a fertilidade é do casal, não só da mulher ou só do homem. Claro que é importante ter todo um cuidado para essa conversa, conversar sem combranças, colocar a importância de os dois estarem se esforçando para realizar o sonho, tentar entender o que ele pensa disso tudo, às vezes é mais um problema de comunicação mesmo, ou esclarecimento dessas questões que coloquei aqui.

Quando há algum problema de fertilidade, é importante não buscar culpados, ‘a culpa é minha’ ou ‘a culpa é sua’ não são boas colocações, e sim ‘temos uma dificuldade e vamos resolver juntos’. O desejo e a luta para ter um filho é do casal e é preciso que os dois estejam dispostos a fazer sua parte e se apoiarem, não é o ‘eu’ ou ‘você’ e sim o ‘nós’. 

Alê Nunes
Blog Da Fertilidade à Maternidade

Post também publicado na coluna Papo de Amiga - Blog Huntington, em que sou colaboradora

P.S.: Gostou do post, então compartilha :), mas se for copiar cite a fonte, com link e a autora. É mais justo com quem pesquisa e escreve sobre o assunto para tentar ajudar. Obrigada, Alê

* As informações disponíveis são meramente informativas, os comentários respostas são informações leigas e não substituem a Consulta Médica!
Comentários pelo Facebook
0 Comentários pelo Blogger

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Para enviar sua dúvida, use os comentários pelo Blogger, não pelo Facebook, pois nesse não recebemos aviso e não temos como responder rapidamente.


HomeSobreAnuncieContato



Da Fertilidade à Maternidade - 2015 | Todos os direitos reservados.
Desenvolvimento: Colorindo Design | Tecnologia do Blogger