Anomalias Uterinas: Útero unicorno, bicorno, didelfo e septado

O útero é formado pela fusão dos ductos de Müller. Alterações no processo de embriogênese podem levar a uma série de malformações uterinas. As malformações uterinas congênitas podem estar associadas ao abortamento habitual, parto prematuro, apresentações fetais anômalas e infertilidade. As anomalias uterinas congênitas que resultam de defeitos Müllerianos são os tipos mais comuns de malformações do aparelho reprodutor.

As anomalias uterinas são responsáveis por 15% das perdas gestacionais do segundo trimestre e também estão associadas com apresentação fetal anormal, descolamento prematuro de placenta e retardo de crescimento intra-uterino. As anomalias uterinas são classificadas de acordo com uma modificação da classificação de Buttram e Gibbons (1979) em úteros : unicorno, bicorno, didelfo e septado.

Fertilidade: Quais as chances de engravidar com e sem tratamento?!


Um casal saudável, sem nenhum problema de ferilidade, tem em torno de 20% a 22% de chances ao mês de ter sucesso nas suas tentativas. Se a mulher estiver com até 35 anos de idade, as chances de gravidez com três meses de tentativa são de 57%, após seis meses de tentativa são de 72% e após um ano de tentativas as chances de sucesso são de 85%.

Desenvolvimento da Fala: Aprendizado da Fala, dicas importantes!

Artigo bem interessante do Guia do Bebê:

"Um dos erros mais comum é corrigir a criança quando esta fala uma palavra incorreta ou repetir a palavra errada porque ficou “engraçadinho”.
Se os pais corrigem sempre a palavra errada, a criança pode ficar envergonhada e até irritada por ser constantemente corrigida e não querer falar mais. Já repetindo a palavra errada e achando graça os pais estarão incentivando a criança a continuar a falar errado. O ideal é repetir a palavra corretamente sem corrigir. Se a criança diz “Olha o tatorro”, os pais devem responder enfatizando a palavra correta “Cadê o cachorro? O que o cachorro está fazendo? Que bonito o cachorro!”. Indiretamente ele está ensinando a criança sem ser rígido ou até mesmo grosso.

Trocar o nome de um objeto por um mais fácil achando que ajudará a criança é errado também. Chamar a chupeta de “peta” ou a mamadeira de “Tetê” faz com que a criança tenha que aprender duas palavras para um mesmo objeto, podendo prejudicar e atrasar o desenvolvimento da linguagem.

Dúvidas sobre Fertilidade: Entrevista com o Dr. Raul Eid Nakano

Pessoal,

Mais uma parceria super importante para o Blog, o Dr. Raul Eid Nakano, da Ferticlin/SP, nos concedeu um entrevista, esclarecendo algumas dúvidas super comuns ao casal que está tentando engravidar. Então vamos lá:

Seja bem vindo Dr. Raul, obrigado pela entrevista, esperamos atender as dúvidas de nossos leitores sobre o processo de fertilização, mas antes, fale um pouco de você Dr. Raul.

Eu que agradeço a oportunidade, adoro falar sobre o tema e discutir as técnicas mais modernas de fertilização. 

Sou formado em medicina pela USP, estou completando 30 anos de formado. Minha especialização foi em Reprodução Humana na Kanazawa Media University e na Keio University também no Japão, trabalhei como diretor clínico da clínica do Dr Nakamura, que foi pioneiro no Brasil com o primeiro bebê de proveta e há 20 anos estou na frente de minha própria clínica de reprodução humana em São Paulo, a Ferticlin.

Dúvida Respondida: Tenho ovários policísticos, existe algum tratamento na qual posso fazer para ter um efeito rápido?

"Já faz um ano que estou tentando engravidar e não consigo, fiz um transvaginal e descobri que tenho ovário policísticos, existe alguma tratamento na qual posso fazer para ter um efeito rápido?"

Oi querida, de um jeito rápido é complicado, tudo depende de como teu organismo vai reagir ao tratamento que teu médico definir como mais adequado no teu caso. Converse com teu médico sobre isso.

Alê

Dicas de Viagem para Grávidas

Nessa época nada melhor que umas boas férias, mas é sempre bom lembrar algumas dicas para que as grávidas aproveitem a viagem com tranqüilidade.

- a 1a coisa é avisar seu médico! Independente da fase da gestação é sempre bom o médico estar ciente, pois pode dar algumas orientações e recomendações importantes ou mesmo alguma restrição dependendo do seu quadro médico. O médico tb vai orientar se é preciso tomar alguma vacina, dependendo do destino da viagem.

- algumas companhias de viagem só aceitam gestante mediante atestado médico, então informe-se antes para não ter problemas!


HomeSobreAnuncieContato



Da Fertilidade à Maternidade - 2015 | Todos os direitos reservados.
Desenvolvimento: Colorindo Design | Tecnologia do Blogger